Parceiros visitam instalações da futura Casa do Empreendedor

(ACIFI, em 25 de Janeiro de 2011)

As entidades parceiras do projeto Casa do Empreendedor visitaram esta semana o espaço onde funcionará o serviço destinado ao atendimento global de micro e pequenos empreendedores da cidade. O projeto visa agilizar o trâmite para a abertura estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviços, bem como oferecer informações mais precisas sobre documentação e projetos disponíveis para atendimento aos empreendedores. Outra proposta da Casa do Empreendedor é proporcionar acompanhamento técnico-contábil, planejamento, assessoramento empresarial e para acesso às linhas de financiamentos para as micro e pequenas empresas.
A Casa do Empreendedor ocupará o espaço que no passado abrigava o Procon, na Avenida Brasil. O espaço passa por reformas que deverão estar concluídas para início da operacionalização do sistema na segunda quinzena de fevereiro.
O projeto funcionará numa parceria entre o poder público municipal – que oferecerá serviços como o Empresa Fácil (Secretaria de Desenvolvimento Socioeconômico); a emissão de alvarás de funcionamento (Secretaria da Fazenda); observação da área de zoneamento urbano da cidade (Secretaria de Planejamento); Banco Social (Agência de Fomento do Governo Estadual) – e entidades como a Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu – ACIFI, Sebrae, a classe contábil (com a participação do CRC – Conselho Regional de Contabilidade, o SESCAP e o Sincofoz), dentre outros.
Na visita às instalações, os parceiros observaram a disposição dos espaços visando a necessidade de deslocamento dos empreendedores e de acordo com a distribuição de serviços que serão realizados no local.
Enquanto o espaço está sendo adequado com pequenas reformas efetuadas pela Prefeitura de Foz, os integrantes do Comitê Gestor de Desenvolvimento Municipal (CGDM) participam de encontros para o Planejamento Estratégico desse novo projeto. Nesta terça-feira foram concluídos os encontros relativos ao Planejamento Estratégico que deverá estar estruturado antes da inauguração do novo espaço.
A Casa do Empreendedor conta ainda com os seguintes parceiros: Cesufoz e Unioeste, Sicredi e Sicoob, Fundação PTI, Sindhotéis e Sindilojas, além de setores públicos como a Secretaria de Administração, a Câmara Municipal de Vereadores e o Departamento de Vigilância Sanitária da Secretaria de Saúde.