Alunos de colégios estaduais participam nesta quinta-feira do Projeto Cidadão Legal

(ACIFI, em 18 de Maio de 2011)

A Delegacia da Receita Federal de Foz do Iguaçu recebe nesta quinta-feira, dia 19, às 14h30, estudantes de duas escolas estaduais da cidade para o Projeto Cidadão Legal, desenvolvido em parceria com a ACIFI e que visa fomentar a cidadania. De acordo com Patrícia Gomes de Oliveira, chefe da Equipe de Gestão de Pessoal da Receita Federal, e uma das coordenadoras do Projeto Cidadão Legal, estão agendadas para esta nova apresentação setenta estudantes da 5ª série do Ensino Fundamental do Colégio Estadual Mariano Camilo Paganoto, do Jardim Petrópolis, e mais 32 alunos da 6ª série do Colégio Bartolomeu Mitre, da região central da cidade.
Eles conhecerão o projeto que consiste em alertar o cidadão sobre direitos e deveres comuns a todos que convivem em sociedade, e estimular boas práticas como os cuidados com a preservação ambiental, repúdio à corrupção, condenar a exploração do ser humano, dentre outros.
Após conhecerem o projeto, haverá a apresentação do teatro de fantoches “O Segredo de Cidadania” realizado por servidores da Receita Federal. A peça conta a história de uma cidade batizada de Cidadania, onde as pessoas viviam muito bem até a chegada do vilão ‘O Piratão’, que trouxe consigo o contrabando e a pirataria para o lugar. Conta também como o vilão foi derrotado pela dupla ‘Adu e Ana’, servidores da Receita Federal e heróis da história.
Esta será a segunda apresentação do Projeto Cidadão, lançado oficialmente pela ACIFI e a Receita Federal no dia 5 deste mês. A ACIFI colaborou com a elaboração e confecção do material gráfico, que inclui cartazes e adesivos, e para a estruturação do site do projeto: .
O projeto conta ainda com a palestra “Malefícios do Contrabando e do Descaminho”, ministrada aos estudantes do ensino médio e também do ensino superior, recheada de informações e de fotos sobre a nocividade que ações até então toleradas pela sociedade, como o contrabando e o descaminho, causam à sociedade.
O projeto tem ainda o apoio do Provopar que oferece aos estudantes saborosos lanches produzidos pelos participantes do curso de culinária.
As instituições de ensino interessadas neste projeto podem agendar palestras, ou a apresentação do teatro de fantoches, na Delegacia da Receita Federal, pelo telefone: (45) 3520-4305.