REPRESENTANTES DA ACIFI REÚNEM-SE COM BETO RICHA E BUSCAM INTERLOCUÇÃO COM O GOVERNO DO ESTADO

(ACIFI, em 14 de Março de 2012)

Em visita ao Governador Beto Richa, os empresários reivindicam olhar diferenciado para a cidade
O presidente da Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu (Acifi), Roni Carlos Temp, e o presidente do Conselho Superior da entidade, Danilo Vendruscolo, participaram nesta segunda-feira (dia 12) de uma audiência com o governador Beto Richa, a primeira desta gestão. Na oportunidade, os representantes do setor empresarial de Foz do Iguaçu colocaram a ACIFI à disposição do governo para sediar ações que venham beneficiar a cidade e a região Extremo Oeste do Paraná.
Acompanhado do ex-presidente da ACIFI, Wanderley Bertolucci Teixeira (2000-2002 e 2004-2007), e do deputado federal Eduardo Sciarra, que agendou a audiência, Vendruscolo e Temp apresentaram as principais reivindicações da sociedade, como a construção de quatro viadutos ou trincheiras no perímetro urbano da BR 277 e investimentos em segurança na fronteira. “As quatro passagens sobre a BR-277 são essenciais para ordenar o crescimento da cidade e evitar mais congestionamentos nos cruzamentos com a rodovia, que hoje divide a área urbana ao meio”, explicou Roni Temp.
As rotatórias que hoje servem a BR-277 têm provocado engarrafamentos e registrados graves acidentes, inclusive com vítimas fatais. “Em alguns pontos é preciso aguardar de 30 a 40 minutos para atravessar a rodovia no horário de pico se não houver nenhum acidente”, destacou. A obra prioritária situa-se na Avenida Paraná que facilitaria o fluxo numa das principais vias da cidade, além de interligar os dois maiores hospitais de Foz do Iguaçu e dar maior escoamento ao fluxo de várias instituições de ensino superior como a própria UNILA. As demais trincheiras ou viadutos reivindicados devem ser construídos na Avenida Costa e Silva, entre a Vila Portes e Jardim Jupira e no acesso ao bairro Portal da Foz.
Na oportunidade, o governador conheceu o projeto do Parque Linear da Integração – na Avenida Beira Rio – que inclui também a revitalização e a iluminação da Ponte da Amizade. Conforme Vendruscolo, a sociedade vem se mobilizando em torno desse projeto que deverá contar não apenas com investimentos privados, mas também públicos dos governos federal e estadual. “Além de mais uma atração turística, a urbanização do local certamente servirá para aumentar a segurança e conter o contrabando noturno, feito pelas águas do rio Paraná”, ponderou Danilo Vendruscolo, referindo-se ao intenso tráfico noturno de produtos trazidos do Paraguai por canoeiros.
Os empresários também reivindicaram melhorias nos equipamentos e reforço no efetivo das Polícias Militar e Civil. “Hoje parte da frota das duas polícias está paralisada por falta de manutenção”, disse Vendruscolo. O governador assegurou investimentos no setor a partir de julho, incluindo um helicóptero para o policiamento aéreo, quando também colocará mais policiais nas ruas.
O governador Beto Richa encaminhou os pedidos de construção das trincheiras ou viadutos ao secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa Filho.
Para Vendruscolo, a reunião com o governador foi “altamente positiva” porque busca abrir um canal de comunicação com o governo para que se tenha um olhar diferenciado quanto às questões da região. “A ACIFI busca a interlocução com o governo do Estado para que projetos se traduzam em benefícios para Foz do Iguaçu”, ressaltou. “Convidamos o governador e o secretário (de estado do Planejamento) Cássio Taniguchi para vir a Foz apresentar os projetos previstos para a região”, finalizou.