ACIFI INICIA DISCUSSÃO PARA INSTALAÇÃO DO CODEFOZ

(ACIFI, em 15 de junho de 2012)

Na quinta-feira, dia 21, a Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu recebe a visita do presidente do Conselho de Desenvolvimento de Maringá, Carlos José Valêncio, para expor o funcionamento desse órgão aos associados e entidades representativas da sociedade de Foz do Iguaçu. Na prática, o CODEM é gerido por toda a sociedade maringaense, por meio de representantes, que estabelece ações da política de desenvolvimento daquela cidade.
O convite partiu do presidente do Conselho Superior Deliberativo da ACIFI, Danilo Vendruscolo, que defende uma ampla integração da sociedade iguaçuense na efetivação de órgão similar em Foz, o CODEFOZ– Conselho de Desenvolvimento de Foz do Iguaçu. Vendruscolo e o presidente da ACIFI, Roni Temp, explicam que a proposta com a palestra é obter pleno conhecimento da forma de gestão do CODEM, responsável desde a realização de projetos para captação de recursos e até o ordenamento de obras para melhoria da infra-estrutura e logística. Ele substitui órgãos governamentais similares e administra 2% do orçamento municipal. 
“Ao longo dos últimos anos, muitas foram as bandeiras e lutas empreendidas pela classe empresarial para potencializar o desenvolvimento sustentável da cidade e da região”, recordaram os dirigentes empresariais. Eles destacam que muitas cidades têm implantado os conselhos de desenvolvimento “como forma de viabilizar a execução dos planos estratégicos de desenvolvimento municipal e atingir, de maneira mais eficiente e integrada, a política de desenvolvimento municipal e regional, “contemplando os anseios de todas as esferas que compõem a sociedade civil e o poder público”, destacam.
“Estamos buscando conhecer exemplos de sucesso na aplicação de metodologias, principalmente na cidade de Maringá, que promoveu profundas transformações em sua realidade a partir da iniciativa da sociedade civil organizada, que hoje figura como modelo de referência nacional e internacional em desenvolvimento regional”, reafirmou.
Vendruscolo e Temp reforçam a importância da participação dos representantes das entidades, e principalmente do empresariado local, na apresentação do CODEM maringaense que poderá servir de inspiração para o debate das estratégias de ação para a criação do Conselho de Desenvolvimento Econômico de Foz do Iguaçu – CODEFOZ, e discutir as demais ações prioritárias ligadas ao desenvolvimento de nossa cidade e região.