CONSELHO DA ACIFI CONTRIBUI COM PROPOSTAS PARA A POLÍTICA VOLTADA ÀS MULHERES

(ACIFI, em 20 de junho de 2012)

Visando atuar na construção de uma política de desenvolvimento, igualdade e de autonomia para as mulheres iguaçuenses, o Conselho Municipal da Mulher e o Conselho da Mulher Empresária e Executiva (CME) da ACIFI vem mantendo reuniões constantes para ação conjunta. Um dos resultados práticos dessa integração é a contribuição do CME ao relatório final de um documento que começou a ser elaborado no ano passado, para justamente apresentar à sociedade a proposta tecida democraticamente para uma política voltada à mulher.
Atendendo ao convite da presidente do Conselho da Mulher, Maria José El Saad, a CME ajudou na elaboração do eixo nº 11 desse documento, que é o que prevê o desenvolvimento de ações que estimulem, apóiem e concretizem o crescimento empresarial na cidade de Foz do Iguaçu. Dentre as sugestões está a criação periódica de programas de orientação e formalização dos Empreendedores Individuais; oferecer novas opções de negócios para estimular o empreendedorismo principalmente entre as mulheres sem recursos financeiros para isso; inclusão de disciplinas voltadas ao empreendedorismo nas atividades extracurriculares do CEEBJA (Alfabetização de Adultos); disponibilizar informações da existência de conselhos ou associações para estimular a participação da mulher em cargos de representação na sociedade.
Constam como propostas, também, a realização de programas para inclusão das mulheres carentes no mercado de trabalho; apoio à criação de uma central de denúncia que integre as forças policiais e agilize a distribuição dessas denúncias aos órgãos competentes; facilitar o direito de ir e vir através de ciclovias ou otimização das linhas do transporte coletivo; dentre outros.
O Conselho da Mulher Empresária, que atua na forma de Núcleo Setorial do Programa Empreender da ACIFI, é presidido pela empresária Valdirlei Baranoski.