FEIRÃO DO IMPOSTO SERÁ INSTALADO NESTE SÁBADO

(ACIFI, em 14 de setembro de 2012)

Neste sábado, das 11 às 15 horas, o Conselho Jovem Empreendedor da ACIFI (Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu), promove o Feirão do Imposto. A iniciativa visa conscientizar a população sobre a altíssima carga tributária que incide sobre produtos brasileiros.

De acordo com Renan Temp, membro do COJEFI, o brasileiro paga, em média, 40% de impostos sobre os produtos que consome – desde alimentos, vestuário, eletrodomésticos, e outros.  “Antes da redução anunciada pelo governo federal, 48% da taxa de energia em todo o país consistia em impostos diversos”, informou.

O Feirão do Imposto é desenvolvido anualmente por uma iniciativa da Confederação Nacional dos Jovens Empresários, e pela terceira vez consecutiva pelo COJEFI. “Nosso objetivo é conscientizar a população sobre essas altas taxas cobradas e principalmente alertar que elas não são revertidas de forma eficaz para os cidadãos”, destacou Temp.

Os representantes do COJEFI vão montar um estande, num espaço especialmente designado pela direção do Cataratas JL Shopping, com itens que fazem parte do cotidiano do iguaçuense, incluindo alimentação, produtos de higiene e limpeza, motos, dentre outros. Em cada artigo haverá informações sobre o custo do produto e preço final após a incidência das taxas e impostos.

Ao mesmo tempo, os integrantes do COJEFI vão divulgar o chamado Impostômetro, software que contabiliza tudo o que é pago em impostos no país. No início da tarde desta sexta-feira, o Impostômetro acusava que o brasileiro já pagou até agora R$ 1,061 trilhão em impostos diversos somente este ano.

Em termos comparativos, com esse montante seria possível pagar 70 mil meses de conta de luz para todos os brasileiros; ou distribuir 1,701 bilhões de salários mínimos. E ainda: comprar 13 milhões de ambulâncias; contratar mais 65,7 milhões de policiais por ano; e também 79,5 milhões de professores de ensino fundamental por ano. Ou distribuir 7,5 bilhões do benefício conhecido como Bolsa Família; construir 30,3 milhões de casas populares de 40 m2 e comprar 884 milhões de notebooks. Essas comparações estão disponíveis no site: http://www.impostometro.com.br/.

“Vamos montar no painel de led externo para que a população saiba que estamos realizando este movimento sobre o volume arrecadado em impostos neste país”, ressaltou Renan Temp. O Impostômetro será instalado no telão situado próximo ao Cataratas JL Shopping, na confluência entre as avenidas Paraná e República Argentina.

Os iguaçuenses estão sendo convidados também, segundo Temp, a participar da coleta de assinaturas em prol do Movimento Brasil Eficiente que exige mudanças no sistema tributário do país e também reivindica melhor aplicação dos recursos públicos. “Essas assinaturas vão se somar às assinaturas de todo o Estado para engrossar o movimento de caráter nacional”, finalizou Renan Temp.

COMPARTILHAR: