Observatório Social presta contas à população

(ACIFI, em 7 de Março de 2013)

Em 2012, 39% das licitações foram acompanhadas pela entidade em Foz do Iguaçu

O Observatório Social de Foz do Iguaçu apresentou no último dia 05, o Relatório de Atividades do segundo semestre de 2012. Os dados apresentados mostram que a atuação da entidade no monitoramento dos gastos públicos teve uma ampliação no ano passado. Em 2012 foram publicados 563 editais de licitações e o Observatório acompanhou 218, o que representa cerca de 39%. Em 2011 o índice de análise foi de 17%.

Na reunião foram apresentados exemplos de estudos de casos em que a entidade atuou e interviu em processos licitatórios que resultaram em economia para o município. O Osfi fez intervenções que resultaram em alterações e até cancelamentos de editais referentes à compra de materiais de construção, tintas, alimentos para a merenda escolar e aparelhos de ar condicionado.

A equipe técnica do Observatório verifica principalmente se o preço está de acordo com o praticado no mercado. “A gente verifica se tudo está sendo feito como manda a lei e a ideia é evitar que aconteça qualquer irregularidade, fazendo um trabalho preventivo”, explica o coordenador executivo do Observatório Social, Fernando Portinho. Além da Prefeitura, o Osfi acompanha os trabalhos dos vereadores do município.

Estiveram presentes no auditório da Associação Comercial e Industrial de Foz do Iguaçu (ACIFI), conselheiros, mantenedores e voluntários da entidade. O vereador Dilto Vitorassi e o ex-vereador Carlos Budel também marcaram presença.

O relatório completo está disponível para consultas aqui

COMPARTILHAR: