ACIFI participará de campanha para arrecadação do FUNCRIANÇA

(Andrea David, em 7 de novembro de 2013)

O presidente da ACIFI, Roni Temp, esteve reunido com a secretária de Assistência Social, Família e Relações com a Comunidade, Cláudia Pereira, a diretora regional do SESCAP, Regina Adams, e a coordenadora do FUNCRIANÇA, Josemara Rocha de Souza Dias, para definirem, juntos, os detalhes da campanha de arrecadação que venha atender aos projetos de entidades assistenciais de Foz que receberão recursos do FUNCRIANÇA. A campanha também foi apresentada aos diretores da ACIFI, nesta segunda-feira, que aprovaram por unanimidade a participação da entidade na campanha.

Os projetos que as entidades apresentaram ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) foram aprovados e serão desenvolvidos de maneira a beneficiar centenas de crianças e jovens de Foz do Iguaçu. Juntos, os projetos necessitam de mais de R$ 400 mil em recursos do FUNCRIANÇA.

“Nossa tarefa será trabalhar a sensibilização dos empresários a se engajarem conosco e todas as entidades que serão beneficiadas, para melhorar – e muito – a arrecadação do FUNCRIANÇA porque estamos perdendo para muitas cidades do Paraná. Sabemos que há um potencial muito grande de arrecadação porque o imposto já estamos pagando de qualquer forma, só não está se destinando especificamente para o FUNCRIANÇA ou as entidades que apresentaram projetos”, destacou Roni Temp, presidente da ACIFI.

Ele lembra que a associação participa há muitos anos da campanha de incentivo à arrecadação do FUNCRIANÇA, mas espera que agora, “de maneira mais organizada e integrada com as demais instituições, o nosso resultado seja cada vez melhor”.

Uma das novidades deste ano é a integração, na campanha, das entidades candidatas a receber recursos do fundo porque tiveram os projetos aprovados pelo CMDCA. Inclusive com a proposta de criação de um vídeo com depoimentos dos representantes que foram beneficiados em campanhas anteriores.

A secretária Claudia Pereira mostrou aos participantes uma correspondência recebida de uma das entidades cadastradas, o Conselho Comunitário da Vila C, convidando para o Recital de apresentação dos alunos do Curso de Violão. “No convite é mencionado que o curso é financiado pelo FUNCRIANÇA, ou seja, já está mostrando à comunidade os resultados do trabalho”, ressaltou.

Ela destacou a importância em “unir forças entre a Secretaria de Assistência Social, a ACIFI com os empresários e o SESCAP com os contadores, para fomentar e aumentar o número de doações para o FUNCRIANÇA e também para as entidades. Conscientizar as pessoas, nesse momento em que elas estão se planejando para fazer o Imposto de Renda, que é uma boa forma de ajudar as crianças do nosso município, doando ou para o FUNCRIANÇA ou fazendo doação casada para essas entidades, o dinheiro ficará no nosso município e será utilizada exclusivamente para assistir as crianças de Foz do Iguaçu”, afirmou.

“O enfoque que vamos dar na campanha deste ano é alertar que a melhor forma de ajudar não é – e nunca foi – dando esmola nos semáforos e sim destinando ao fundo que está organizado, que tem as entidades pré-cadastradas e cujos projetos foram aprovados pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente”, acrescentou.

Já Regina Adams, diretora regional do Sescap (Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas no Estado do Paraná) afirmou que a campanha ajuda a classe contábil a fornecer informação completa e orientar os sobre de como pode ser feita corretamente a doação. “Esse tipo de campanha ajuda bastante para que o contador possa conscientizar o empresário sobre a importância da doação. Até porque tem entidades bem representadas na cidade, como a ACIFI, e porque percebemos que será feita a prestação de contas, que é importante satisfação para aqueles que doaram o Imposto de Renda”, observou.

A diretora antecipou que o SESCAP desenvolverá pelo 10º ano consecutivo o projeto Declare Certo, quando os contadores vão à rua “para orientar os empresários e os cidadãos que precisam declarar, sobre como fazer e também sobre a possibilidade de doar parte do IR devido”.

A campanha do FUNCRIANÇA será lançada até o final deste mês.

COMPARTILHAR: